Pular para o conteúdo
Voltar

Homem mente ser médico, aplica golpe e é detido em flagrante em Cuiabá

Com suspeito foram apreendido luvas, seringas, tesouras e algodão que ele alegou comprar na farmácia para aplicar o golpe.
Maricelle Lima Vieira | PMMT

- Foto por: PMMT
A | A

Policiais militares do 9º Batalhão prenderam na noite desta quarta-feira (29.07) um homem por estelionato, exercício ilegal da profissão e falsidade ideológica.

Os agentes foram informados por uma mulher que alegou estar sendo vítima de um golpe. Ela contou que o suspeito se apresentou como médico e estava fazendo exames para detectar a probabilidade de uma pessoa ter câncer.  A mulher contou que junto de familiares participaram do procedimento, com coleta de sangue, que até foi pago.

Desconfiada, a mulher pesquisou sobre a procedência do criminoso e descobriu passagens criminais por crime de estelionato. Passou a gravar as conversas e durante uma situação, acionou a PM.

Durante a abordagem, o suspeito confessou não ser médico e sim farmacêutico e que todos os exames realizados eram falsos.

Em seu veículo, uma caminhonete Ford Ranger, os militares encontraram luvas, seringas, tesouras e algodão que ele alegou comprar na farmácia para aplicar o golpe.

Na delegacia, via sistema foram descobertos 10 registros pelo mesmo motivo. Referente à carteira de médico, o homem disse que era falsa e teria pagado R$ 400.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.