Pular para o conteúdo
Voltar

Cavalaria da PM relata experiência em volteio interativo na equoterapia no RJ

Por Greyce Lima

Sargento Marcondes de Campos e sargento Nilcimeire Campos, do Regimento de Cavalaria da Polícia Militar de Mato Grosso, participaram na última semana, junto com mais quatro militares, do curso de volteio interativo em atividade de equoterapia, no Rio de Janeiro.

Os seis policiais da Cavalaria, unidade especializada da PM, participaram do curso de volteio interativo que os capacitou com o objetivo de aumentar e expandir ainda mais o projeto social de equoterapia destinado a crianças com patologias como Autismo, Síndrome de Down, paralisia cerebral, dentre outras doenças raras.

Sargento Marcondes de Campo, além de policial militar é psicólogo, assim como sargento Nilcimeire, que é policial e fisioterapeuta. Os policiais formam uma equipe multidisciplinar e especializada que atende, hoje, cerca de 40 praticantes, de 3 anos a 67 anos de idade. Os atendimentos são gratuitos e destinados a famílias carentes.

Com a capacitação em volteio interativo, projeto social da PM em equoterapia, amplia ainda mais os seus atendimentos, oferecendo atividades avançadas da equoterapia aos praticantes da ação social.

Ficha Técnica

Apresentação:  Soldado PM Anderson Ludgero e Greyce Lima

Participação: sargento Marcondes de Campos, sargento Nilcimeire Campos; tenente-coronel Walmir Rocha; comandante do Regimento de Cavalaria da PMMT.

Foto da capa: Arquivo pessoal;

Sonorização/ montagem: Vivian Amorim e Leonardo Alves de Barros

Arte da capa: Vivian Amorin.