Pular para o conteúdo
Voltar

PM captura oito foragidos da justiça em Cuiabá e mais quatro cidades

As ocorrências foram na Capital, Várzea Grande, Rondonópolis, Lucas do Rio Verde e General Carneiro
Richelli Alves | PMMT

- Foto por: PMMT
A | A

Policiais militares capturaram de domingo a terça-feira (1º a 03.08), oito foragidos da justiça, em Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Lucas do Rio Verde e General Carneiro.  

Na Capital, foram duas ocorrências. Na primeira, os policiais do 24° BPM foram informados da localização de um homem com mandado aberto por falsificação de documento. Ele foi rendido no bairro Consil e não apresentou resistência.

Na segunda, a equipe do Grupo Raio estava em Motopatrulhamento pelo bairro Jardim Liberdade e notaram um homem em atitude suspeita próximo de um campo de futebol. Na consulta do seu nome, constou mandado aberto expedido pela 2ª Vara Criminal de Cuiabá e o crime não foi especificado.

Em Várzea Grande, o primeiro foragido foi pego no bairro Figueirinha e encontrado em uma oficina. O crime não foi especificado e o documento expedido pela 3ª Vara Criminal da cidade. No bairro Água Limpa, a equipe foi acionada para conduzir um homem até o Fórum Criminal.

Em Rondonópolis, também foram capturados dois homens e as ocorrências foram nos bairros Jardim Kenia e Vila Lourdes, sendo o primeiro por tráfico de droga e, o outro por roubo.

Em Lucas do Rio Verde, a equipe do 13º BPM foi informada que o procurado com mandado aberto pela justiça de Rosário Oeste, estaria em uma casa no bairro Veneza. No imóvel, a informação foi confirmada.

Em General Carneiro, os policiais do 5º CR de Barra do Garças, realizava procedimento de rotina na entrada da cidade e na abordagem do motorista do veículo GM Prisma prata constou em seu nome mandado aberto por homicídio. Ele foi conduzido à Delegacia da cidade.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.