Pular para o conteúdo
Voltar

Operação resulta na prisão de sete motoristas por embriaguez ao volante

Na ocasião, 13 motoristas se negaram a fazer o teste de alcoolemia e 12 foram pegos dirigindo sem habilitação
Julia Oviedo | Sesp/MT

- Foto por: GGI/Sesp
A | A

Sete motoristas foram presos por embriaguez ao volante e 74 notificações foram lavradas por irregularidades no trânsito durante a Operação Lei Seca, realizada na madrugada desta sexta-feira (27.08), na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Av. do CPA), em Cuiabá. Ao todo, 80 veículos foram fiscalizados durante a ação.

Entre os Autos de Infração de Trânsito (AITs), 19 foram lavrados por conduzir veículo sob efeito de álcool, 13 por recusa a realização do teste de alcoolemia, 12 por conduzir veículo sem habilitação e 18 por dirigir veículo sem registro ou não licenciado.

Dos motoristas que foram pegos dirigindo sem habilitação, 10 tiveram lavrados um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), que é emitido no caso de crimes de menor potencial ofensivo. Também foram recolhidos um total de 26 documentos, sendo 19 CNHs e sete Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV).

Dos 80 veículos fiscalizados, mais da metade, ou seja, 47 foram autuados e 46 foram removidos, sendo 39 carros e sete motocicletas. A operação realizou ao todo, 86 testes de alcoolemia.

A Operação Lei Seca é uma ação integrada composta pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT); pela Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN); pela Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada de Trânsito (Deletran); pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT); pela Polícia Rodoviária Federal (PRF); pela Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob) e pelo Sistema Penitenciário, por meio do Serviço de Operações Especiais (SOE).