Pular para o conteúdo
Voltar

Dia do Rotamzeirinho recebe mais de 1,2 mil pessoas para celebrar o Dia das Crianças

Para alegrar a criançada, os policiais prepararam brincadeiras lúdicas, gincanas, entrega de doces, lanches e presentes
Greyce Lima | Secom- MT

- Foto por: pmmt
A | A

O Dia do Rotamzeirinho da Polícia Militar reuniu mais de 1.200 pessoas entre crianças e pais, na última terça-feira (12), na sede do Batalhão Rotam. Cerca de 500 brinquedos foram entregues no evento realizado para celebrar o Dia das Crianças. 

A festa foi promovida por policiais da Rotam e reuniu crianças dos projetos sociais "Jiu-Jitsu Rotam Formando Cidadão" e "Escolinha de Futebol Grêmio", iniciativas coordenadas pela unidade especializada da PM. Famílias que residem nas proximidades da sede do batalhão também puderam levar as crianças para desfrutarem da programação do Rotamzeirinho.  

 

Para alegrar a criançada, os policiais prepararam brincadeiras lúdicas, gincanas, entrega de doces, lanches e presentes. O evento contou com apresentações artísticas do palhaço Tapioca e das mascotes Dourado do Cuiabá Futebol Clube e a Águia da Rotam. Convidados especiais como sargento Geberson do Exército Brasileiro e o grupo Capoeira Vip animaram a festa das crianças. Os policiais também realizaram exposições em estande do Regimento de Policiamento Montado (Cavalaria), Bope, Raio, Corpo de Bombeiros Militar e outras unidades.

O comandante da Rotam, tenente-coronel William Dorileo, conta que o Dia do Rotamzeirinho já faz parte do calendário de eventos da unidade e que a ideia é proporcionar um dia de lazer e integração com os alunos do projeto e os moradores do bairro Dom Aquino e região.  “O evento já se tornou tradicional e pretendemos criar uma cultura de integração coletiva entre alunos pais, professores, policiais do batalhão e apoiadores para fortalecimento das atividades sociais. Os nossos projetos sociais têm excelentes resultados em todos os aspectos, através do esporte, alunos se consagraram em campeonatos estaduais em várias categorias fazendo das crianças e adolescentes verdadeiros campeões”, afirma Dorileo.

Atualmente o Batalhão Rotam  atende mais de 120 crianças e adolescentes através dos dois projetos sociais na região metropolitana.